Compartilhe

Quem pensa que a capital de Minas Gerais não tem muito que ver, se engana! Belo Horizonte tem muita história, muitos atrativos turísticos, muita arte urbana e roteiros ótimos para curtir sozinho ou com um Guia de Turismo. 

Primeiramente, saiba que também acompanho você na capital mineira. Criei o PASSEIO BELO HORIZONTE BÁSICO. Um walking tour que vai te levar para conhecer a cidade que simboliza o início do período Brasil República inaugurada em 1897.

Mas por agora seguem dicas de roteiros para você curtir Belo Horizonte sozinho. Vamos lá!

 

ROTEIRO 1 – CIDADE ADMINISTRATIVA

Se você planejou sua viagem de avião para Minas e pretende alugar um carro no aeroporto de Confins, aproveite e faça aquela parada básica na Cidade Administrativa distante somente 12 km. Segue em direção ao estacionamento e de lá caminhe até o pátio onde se encontra, podemos dizer assim, o último projeto de Oscar Niemeyer. 

A dica é ficar bem no centro do pátio para curtir as linhas curvas do nosso Brasil que inspiraram este maravilhoso arquiteto do modernismo!

As obras foram concluídas em 2010 e o complexo conta com um Auditório, o Palácio do Governo e dois prédios onde estão instaladas as Secretarias. Em um dos prédios tem um restaurante que é aberto ao público. Comida boa, por sinal!

 

ROTEIRO 2 – VOLTA DE BIKE NA LAGOA DA PAMPULHA

De carro, de bike, correndo, do jeito que você quiser curtir a obra de arte arquitetônica de Oscar Niemeyer! Sim, De novo Niemeyer! Aqui em Minas Gerais ele iniciou sua carreira de arquiteto. Em 1942 projetou o Complexo Arquitetônico da Pampulha que conta com a “Igrejinha da Pampulha”; o antigo Cassino, atual Museu de Arte Moderna de Belo Horizonte e a Casa do Baile, onde JK adorava dançar e o Iate Tênis Clube encantam nossos olhos. 

O trajeto completo tem 18 km de extensão e ainda conta com o Jardim Zoológico, o Museu de História e Jardim Botânico, o Mineirão e o Mineirinho. 

A bike pode ser alugada na Global Bike que tem uma filial na Pampulha. 

 

ROTEIRO 3 – ARTE URBANA E PÔR DO SOL

Partindo da Praça da Liberdade em direção a Rua da Bahia onde inicia o Circuito de Arte Urbana, o Cura passando pela Av. Afonso Pena até o Viaduto Santa Tereza e finaliza na Rua Sapucaí.

A dica é planejar esse passeio para curtir o pôr do sol no mirante de arte urbana na Rua Sapucaí no final do roteiro com uma cerveja ou uma caipirinha ao som de uma música do bar Mi Corazón!

Aos domingos tem a famosa Feira de Artesanato na Av. Afonso Pena. Mesmo que não compre nada, vale a pena caminhar pela avenida que vai da Praça Sete passando pela Rua da Bahia avante!

Gostou dos roteiros? Deseja outras dicas? Entre em contato comigo e terei o maior prazer em te ajudar no planejamento de sua viagem para Minas! 

Me lembrei que tenho um artigo com roteiros convencionais para Belo Horizonte. Clique aqui.

Artigos Relacionados