Gastronomia de Belo Horizonte: dicas incríveis de lugares para se comer em BH!

Gastronomia de Belo Horizonte: dicas incríveis de lugares para se comer em BH!
1 de novembro de 2017 Sueli Tour Guide

Se você está conhecendo Minas Gerais na sua viagem pelo Brasil, com certeza deve ter colocado em seu destino sua capital, Belo Horizonte. Passear pela capital mineira é uma experiência única, pois ela conta com lugares incríveis para se conhecer. E a gastronomia de Belo Horizonte não fica de fora do roteiro pra quem quer conhecer a cidade.

Belo Horizonte oferece opções gastronômicas para todos os gostos. Dos refinados restaurantes aos botecos que servem petiscos bem mineirinhos acompanhados da tradicional cachacinha brasileira. E foi justamente essa cultura boêmia da cidade que deu a ela o título de capital brasileira dos botecos, sendo um marco para o circuito gastronômico da cidade.

Assim, a cidade conta com uma típica culinária que vai desde a alta gastronomia à comida boêmia que valem a pena serem conhecidas. E dentre a infinidade de lugares com uma culinária incrível em BH, trago sugestões de lugares que tem tudo para te agradar com uma ótima experiência gastronômica.

 

Casa Bonomi

Um lugar ideal para você tomar um café da tarde após seus passeios por Belo Horizonte é a Casa Bonomi. Uma das padarias mais tradicionais da cidade, a Casa é especializada em pães artesanais.

Um lugar muito charmoso, instalado em um imponente casarão histórico do início do século XX perfumado com aquele cheirinho de pão que acabou de sair do forno. Não dá pra resistir quanto se passa na porta da Casa Bonomi e a parada é obrigatória.

O espaço conta com diversas opções de pães artesanais que conquistam o público. Além da sua confeitaria com deliciosos bolos e tortas doces para se deliciar após aquele cafezinho quentinho. Dentre as opções da casa, sugiro experimentar a foccacia envolta em uma casquinha temperada com alecrim, sal e azeite. É uma delícia!

 

Restaurante A Favorita

Para você curtir a noite belo-horizontina com um saboroso jantar, trago como sugestão uma das referências gastronômicas de BH. O restaurante A Favorita.

Localizado na região central da cidade, o local agrada muito os moradores da cidade e também os visitantes. O restaurante encanta por seu refinado cardápio e também por seu ambiente charmoso, decorado com vidros e madeiras, que dá ao local um clima aconchegante. Sua varanda é um espaço perfeito para um jantar descontraído e para bons momentos à mesa.

A especialidade da casa são os peixes e frutos do mar. Além dos pescados, o cardápio traz também cortes nobres de carne vermelha como a bisteca de vitelo e a costeleta de cordeiro. O restaurante conta ainda com uma carta de vinhos com 350 rótulos entre vinhos tintos, brancos, espumantes,  porto e champanhe. Na casa há ainda um sommelier à disposição dos clientes para ajudar na escolha do vinho para melhor harmonização com o prato escolhido. Uma boa programação para sua noite, não é mesmo?

 

Fogo de Chão

Outra opção para sua noite é aproveitar sua viagem pelo Brasil com um saboroso churrasco brasileiro. Em Belo Horizonte, a Churrascaria Fogo de Chão é um ótimo local para você degustar um rodízio de churrasco com uma enorme variedade de carnes.

São diversas as especialidades de carnes da casa, desde as opões mais nobres até as mais tradicionais. Há cortes como alcatra, picanha, bife ancho e cordeiro. O destaque  vai para a costela bovina que é assada por inteiro por  oito horas no fogo de chão. De dar água na boca!

Para acompanhar o tradicional churrasco no estilo rodízio, o espaço oferece um buffet com saladas, frios, pães e pratos típicos. Além disso, a churrascaria apresenta uma carta de bebidas com mais de 200 rótulos de vinhos e cervejas especiais com rótulos nacionais e importados.

 

Maletta

Mas se você prefere aproveitar sua noite em BH para conhecer sua gastronomia boêmia e entender o porquê de seu título de capital nacional dos botecos, trago como sugestão um dos meus lugares boêmios preferidos da cidade: O Edifício Maletta.

O  Edifíco Maletta, no coração de BH, chama a atenção por ser um tradicional ponto de encontro de escritores, boêmios e artistas da cidade. O local, que data da década de 1950, é repleto de galerias que abrigam diversos bares e restaurantes com cardápios e decorações para todos os gostos. Dentre os bares do Maletta, destaco a Cantina do Lucas, que conta com mais de 50 anos de história. Referência na gastronomia de Belo Horizonte, o bar foi tombado em 1997 como Patrimônio Histórico e Cultural de BH. O espaço encanta pela tradição e pelo saboroso e variado cardápio que conta com vários pratos da cozinha mineira. Um local que vale a pena a visita para aproveitar a noite belo-horizontina, não é mesmo?

 

Santa Tereza

Uma boa pedida para se conhecer a cultura e a culinária boêmia belo-horizontina é visitar Santa Tereza, o bairro mais boêmio de BH.

O tradicional bairro de Santa Tereza, Santê como é carinhosamente chamado pelos belo-horizontinos, é a menina dos olhos de Belo Horizonte. Ganhou fama de ser um reduto boêmio graças às suas casas de serestas e diversos bares que reuniam grandes nomes das artes mineiras, que ali costumavam se encontrar para confraternizar, compor musicas e cantar pelas madrugadas. Desses encontros nasceram grandes nomes da música brasileira, como o Club da Esquina, um dos maiores movimentos musicais da MPB.

Entre os bares que dão vida à cultura local do charmoso bairro, vale a pena conhecer o Bar da Rosa. Também conhecido como Canto de Aristóteles, o bar, que tem um ambiente intimista e encantador, todo decorado com livros e luzes, promete uma noite agradável ao som de música popular brasileira tocada ao vivo pelos cantores convidados. Para acompanhar uma cerveja geladinha, uma boa pedida é o bolinho de canjiquinha recheado com costelinha e queijo canastra.  Esse bolinho é tudibão, como dizem os mineiros.

Outro bar que é uma ótima opção para se conhecer em Santê é o Bar Clube Mineiro da Cachaça.  Do costume de um grupo de amigos belo-horizontinos em se reunir para ir aos bares da cidade apreciar a cachaça mineira, nasceu o Clube. O bar foi um espaço pensado para divulgar a cachaça de alambique dos produtores de cachaça de todas as regiões de Minas Gerais. Assim, o menu da casa conta com mais de 1200 rótulos da bebida, que estão no cardápio em forma de drinks ou presentes nos tira gostos. Uma boa ideia para você apreciar uma bebida tipicamente brasileira!

Outro atrativo do bairro, é que os seus diversos bares ficam próximos uns dos outros, o que facilita se você quiser conhecer vários bares em uma mesma noite! Porém, Santa Tereza fica um pouco distante da área central (o bairro fica na zona leste da cidade). Mas apesar disso, como deu pra perceber, é um local que vale a pena ser visitado por seus tesouros boêmios que tem tudo para proporcionar momentos ótimos na sua viagem por Belo Horizonte!

Informações Gerais:

Casa Bonomi
Endereço: Avenida Afonso Pena,  2.600
Horário de Funcionamento: Terça a sábado, de 7h às 21h. Domingo, de 8h às 20h

 

Restaurante a Favorita
Endereço: Rua Santa Catarina, 1235 – Lourdes
Horário de Funcionamento: Domingo a Quinta, de 12h às 00h. Sexta e sábado, de 12h às 2h

 

Fogo de Chão
Endereço: Rua Sergipe, 1208 – Savassi
Horário de Funcionamento: Segunda a Sexta, de 12h às 16h e 18h às 23h30. Sábado sem intervalos. Domingo de 12h às 22h

 

Cantina do Lucas – Maletta
Endereço: Av. Augusto de Lima, 233 – Loja 18
Horário de Funcionamento: Segunda a quinta, de 11h30 às 02h.  Sexta e Sábado, de 11h30 às 03h . Domingo, de 11h30 às 01h

 

Bar da Rosa
Endereço: Rua Bocaiúva, 20, Santa Tereza
 

Clube Mineiro da Cachaça
Endereço: Rua Mármore, 373 – Santa Tereza
Horário de Funcionamento: Terça a Sábado, de 18h às 2h

 

 

 

0 Comentários

Deixar uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*